20 Novembro 2017
Diminuir
Aumentar
Enviar Email
Imprimir
  • Receção, armazenamento e regaseificação de GNL 


    A atividade de receção, armazenamento e regaseificação em terminais de GNL compreende:

    • A receção, o armazenamento, o tratamento e a regaseificação de GNL e a emissão de gás natural para a RNTGN, bem como o carregamento de GNL em camiões–cisterna ou navios metaneiros;
    • A construção, manutenção, operação e exploração do Terminal de GNL de Sines.

    A concessão da atividade de receção, armazenamento e regaseificação de GNL, no terminal de GNL de Sines, foi atribuída à REN Atlântico, Terminal de GNL, S.A., em 2006.

    No final de 2015, o terminal de GNL apresentava as seguintes capacidades operacionais:

    • Capacidade (máxima) anual de regaseificação de gás natural de 8 bcm
    • Capacidade de armazenagem de 390 000 m3 de GNL (2,5 TWh)
    • Cais de acostagem adaptado para a recepção de navios metaneiros com dimensões entre 40 000 e 216 000m3 de GNL;
    • Emissão máxima, para a RNTGN, de 1 350 000 m3(n)/h;
    • Capacidade de carga de cisternas de 36 cisternas/dia.

    A figura seguinte apresenta o número de descargas de navios metaneiros e enchimentos de camiões cisterna no terminal de GNL entre 2012 e 2015.

    Navios recebidos e cisternas carregadas no terminal de GNL de Sines – 2012 a 2015

    Fonte: REN, Relatórios Anuais

Partilhe esta informação: Digg it!Facebookdel.icio.usNewsvineStumble-uponReddit!
Portal do Consumidor de Energia
Comercializadores
Tarifa Social
Simuladores
Livro "A Regulação da Energia em Portugal 2007-2017"