23 Fevereiro 2019
Diminuir
Aumentar
Imprimir
  • Documentos complementares 


    O RARI prevê ainda a existência de documentos complementares contendo o detalhe e matérias de carácter procedimental associadas às actividades que desempenha, nomeadamente:

    • Normas complementares para prestação de informação à ERSE pelos operadores das redes elétricas.
    • Perfis de perdas em MAT, AT, MT e BT.
    • Manual de Procedimentos do Mecanismo de Gestão Conjunta da Interligação Portugal-Espanha.
    • Mecanismo de Gestão Conjunta da Interligação Portugal-Espanha.
    • Metodologia dos estudos para determinação da capacidade de interligação para fins comerciais
    • Contratos de uso das redes.

    O Manual de Procedimentos do Mecanismo de Gestão Conjunta da Interligação Portugal-Espanha visa a atribuição harmonizada de direitos de utilização de capacidade na interligação Portugal-Espanha a partir de 1 de janeiro de 2014.
    O presente Manual de Procedimentos do Mecanismo de Gestão Conjunta da Interligação Portugal-Espanha foi aprovado pela Diretiva da ERSE n.º 10/2018, de 11 de junho, publicada no Diário da República, 2.ª série, de 10 de julho, na sequência de uma consulta a interessados tendo em vista a permitir incluir neste manual as regras necessárias à implementação do mercado intradiário contínuo, com as alterações introduzidas pela Diretiva da ERSE n.º 1/2019, de 3 de dezembro de 2018, publicada no Diário da República, 2.ª série, de 7 de janeiro de 2019.

Partilhe esta informação: FacebookLinkedInTwitterGoogle+
Portal do Consumidor de Energia
Simuladores
Comercializadores
Tarifa Social
Como Funciona Eletricidade
O Gás Natural: Como funciona?
Como Funciona Combustíveis
Como Funciona GPL
 

Este sítio utiliza cookies para assegurar uma melhor experiência de utilização. Ao continuar a navegar está a concordar com a sua utilização.  Saber mais